Blog

Enzimas e Digestão.

21/07/2017 18:17:08

Para manter a saúde do sistema digestivo, é fundamental que as enzimas estejam em pleno funcionamento. Você sabe o que são enzimas e qual seu papel para a saúde?


As enzimas são proteínas que agem na catalisação das funções bioquímicas e são essenciais na manutenção da vida. O pesquisador Nell Cubry afirmou: “A matéria, o éter e a vida são os três principais elementos do Universo. A unidade da matéria é o átomo, a unidade do éter é o elétron e a unidade da vida é a enzima”. Assim quando as enzimas perdem as funções, a vida simplesmente termina. As doenças degenerativas são oriundas da degradação progressiva das funções enzimáticas.


Segundo o Dr. Carlos Braghini, em seu livro Ecologia Celular, “enzimas são componentes químicos encontrados em todas as coisas vivas que atuam aumentando a velocidade (catalisadores) de uma reação química específica. Se há uma reação química em qualquer ser vivo, há uma enzima que trabalha para fazê-la acontecer”.


Ele prossegue, afirmando “todo ser vivo contém e depende de enzimas, aliás, a vida não é possível sem enzimas. Na verdade, são as responsáveis pela maioria das reações químicas que permitem que um alimento esteja pronto para ser digerido. Por ex., uma maçã cai da árvore, e em poucos dias uma mancha marrom pode ser vista na casca. Ao vermos esta “mancha” dizemos que a maçã está “machucada” ou “apodrecendo”, mas na verdade, ela só está sendo digerida. Quando a maçã cai, quebra as paredes celulares, e as enzimas contidas em seu interior são liberadas e começam a digeri-la. Estas mesmas enzimas começarão a digestão da maçã quando a engolimos”. 


Os distúrbios digestivos estão entre os mais comuns em todo mundo. Segundo observações do Prof. Inamoto, uma das suas possíveis causas seriam as  disfunções enzimáticas.  Elas seriam causadas pela excesso de aditivos químicos na alimentação e também pela poluição ambiental. Outro fator desencadeador poderia ser a ação negativa de parasitas, tais como Helicobacter Pylori, descoberto nos anos de 1980. A disfunção digestiva é uma das causas da desnutrição e também contribui para que toxinas atravessem as paredes intestinais e afetem a qualidade do sangue. 


Uma forma de prevenir distúrbios digestivos é, portanto, cuidar do equilíbrio da flora intestinal. 


Dr. Braghini afirma que “as pessoas com melhor índice de saúde são aquelas que ingerem grandes quantidades de alimentos frescos contendo muitas enzimas. Isto é tão importante quanto criar um ambiente intestinal que permita às bactérias intestinais  produzirem enzimas ativamente. Existem cerca de 300 tipos diferentes e 1.000 trilhões de bactérias vivendo em nosso intestino. Podemos dizer que as bactérias correspondem a 1 ½ kg numa pessoa de 80 kg de peso.  Elas não existem em tamanha profusão sem um propósito: elas criam cerca de 3.000 tipos de enzimas”.


Para ele, boas bactérias são aquelas que produzem enzimas antioxidantes. As bactérias ruins são aquelas que produzem resíduos tóxicos. Ter mais de um tipo do que de outro pode fazer uma grande diferença na saúde e expectativa de vida de um indivíduo. 


O consumo de compostos enzimáticos pode auxiliar no equilíbrio da flora intestinal, em especial se você apresenta algum dos quadros abaixo:


  • Desânimo / Falta de energia
  • Gases intestinais
  • Azia / Má digestão 
  • Intolerância a certos alimentos
  • Pele sem vida
  • Menstruação irregular
  • Mau funcionamento intestinal
  • Enxaqueca
  • Alergias


Consulte um profissional de saúde habilitado para fazer uma avaliação.  Caso deseje saber mais, teremos prazer em ajudá-lo através do e-mail relacionamento@quantumbio.com.br .


Obs.: As informações e conselhos disponibilizados no presente material não substituem o parecer/opinião do seu Médico, Enfermeiro, Farmacêutico e/ou Nutricionista.


Faça seu comentário:

País:

Atuação profissional: