Blog

O cérebro quântico.

21/07/2017 18:12:36

Cérebro nutrido, corpo saudável.

Investigações comprovam que a nutrição cerebral pode ser uma aliada no tratamento de diversos problemas de saúde - de ansiedade a dores crônicas. Isso envolve desde os nutrientes que consumimos até, como demonstra a física quântica, as informações que recebemos.


Médico e psiquiatra ortossistêmico, Juarez Callegaro aborda em seu livro Mente Criativa – A aventura do cérebro bem nutrido como o conteúdo químico-físico-informacional dos alimentos impacta em nosso sistema neurológico.


Defensor da ideia de que os nutrientes cerebrais são fatores de longevidade e criatividade, ele entende que o papel dos nutrientes é atuar na regulação do estresse oxidativo cerebral, que estimula a mente criativa ou bloqueia a inteligência emocional.


A falta de magnésio é, segundo ele, um dos fatores que diminui a percepção e a consciência em adultos e crianças, e afeta diretamente a personalidade.


"A presença de metais tóxicos impede o cérebro de absorver o magnésio, e isso tem como consequência direta, respostas comportamentais. Ele é o mais importante de todos os minerais", afirma. 


O estresse oxidativo trata-se da relação entre a alta produção de radicais livres e a baixa quantidade de antioxidantes. Entre os fatores que aumentam seu nível estão genética, idade, poluição, tabaco, tóxicos industriais e poluentes ambientais, radiação, químicos alimentares, metais pesados, entre outros.


“O estresse oxidativo cerebral patológico vai bloquear a inteligência emocional, gerar depressão, ansiedade, agressividade, auto-estima oscilante, pânico e obsessão. Pode gerar distúrbios de personalidade, dependência química e social e violência, sendo que nove zonas cerebrais podem estar envolvidas na degeneração moral”, afirma em um trecho do livro.


Na publicação, Callegaro descreve o círculo vicioso acima como “efeito Borboleta Cinza”, incluindo a hipótese de que as doenças mentais que triplicaram em todos os continentes nos últimos 20 anos (incluindo o autismo, depressão, Alzheimer e Parkinson) seriam causadas não apenas pela poluição, mas pelo déficit de nutrientes - resultado de dietas ricas em açúcar e gorduras.


Por meio de uma adequada nutrição para o cérebro, ele propõe uma revolução pedagógica, biológica, psicológica e sociológica no diagnóstico, tratamento e prevenção de doenças. O papel do médico, segundo ele, seria identificar as causas do sofrimento a partir das necessidades de cada indivíduo mediante seus recursos internos e externos.


Cientista norte-americano participante do filme Quem Somos Nós?, Jeffrey Satinover também investigou e escreveu sobre a relação do cérebro com os preceitos da física quântica.


Em seu livro “O Cérebro Quântico”, Satinover afirma que estamos partindo para uma nova geração dos seres humanos. Ele acredita que as novas descobertas envolvendo a neurociência e estudos mais aprofundados sobre o órgão abrem caminho para novas experiências e novas pesquisas.


Satinover explora o universo ainda pouco conhecido das neurotransmissões para questionar o papel das funções químicas e elétricas. Neste cenário, ele diz que a mecânica quântica atua de forma até então desconhecida e que seu entendimento ajuda a compreender mais sobre a natureza de doenças degenerativas.


Médica psiquiatra indiana, Anmol Arora enxerga o cérebro quântico como um computador capaz de auto-reprodução, auto-transmutação e auto-cura. 


"A teoria quântica foi criada por Max Planck em 1900 tentando entender a energia irradiada pelas ondas eletromagnéticas e subvertendo os conceitos da física clássica. A quantização, evento físico comum, explica como que o elétron aquecido passa de uma camada de energia de baixa frequência para uma de alta frequência, sem camadas intermediárias, o que conceitualiza o salto quântico", afirma.


O cérebro quântico, o que ela também conceitua como o cérebro que funciona em frequências de onda mais elevadas, tem uma redução na atividade simpática e aumento da atividade parassimpática.


"A atividade simpática está exacerbada nos padrões de comportamento de dor e sofrimento e o incremento da atividade parassimpática gera sensação de bem-estar, relaxamento e plenitude", explica.


A partir daí, Anmol acredita que ocorre um aumento da imunidade. Atividades como meditação, relaxamento e religiosidade, por exemplo, comprovadamente melhoram a atenção, memória e a tomada de decisões, o que pode ser chamado de autotransformação, e, consequentemente, auto-cura.


Um estado emocional mais positivo melhora a saúde como um todo e a forma de encarar os estados patológicos e os seus tratamentos necessários. Pesquisas sobre Parkinson e o Alzheimer têm mostrado a melhora física e emocional usando técnicas quânticas como a meditação, relaxamento e o exercício da fé (religiosa ou não).


"Podemos dizer que, de modo geral, em todas as doenças podemos observar melhora a partir de técnicas de cura quântica", conclui a indiana.

 

SUPLEMENTOS ALIMENTARES E COMPOSTOS FREQUENCIAIS QUE AGEM NA EFICIÊNCIA CEREBRAL


  • CHLORELLA: É uma alga da água doce da era Cambriana. Foi uma das primeiras formas de vida a surgir no nosso planeta e uma das responsáveis por torna-lo habitável. Possui na sua composição todos os nutrientes necessários e aminoácidos essenciais na forma natural e equilibrada. Tem poder alcalinizante e desintoxicante, inclusive de metais tóxicos como o alumínio, mercúrio, etc. Não tem contraindicações e é especialmente indicada para gestantes e crianças. Conforme testes clínicos realizados na Universidade de São Paulo, o consumo diário de 20 a 40 comprimidos de 250mg controla eficientemente os níveis de colesterol. O Japão é o maior consumidor mundial deste complemento e em algumas escolas públicas o produto é distribuído gratuitamente pelo governo.
  • GELEIA REAL: Não existe na natureza alimento tão adequado e eficiente para o nosso cérebro como a Geleia Real produzido pelas abelhas operárias internas. Geleia Real é um alimento extremamente natural, provindos da matéria prima pólen das flores, que após passar pelo processo orgânico das abelhas se torna alimento específico da abelha rainha. Esta, uma vez fecundada pelo zangão produz uma média de 2.000 ovos diariamente durante 9 meses. Para o ser humano, a geleia real oferece substâncias importantes como o Ácido Glutâmico, que é essencial para a eficiência dos neurotransmissores como a Dopamina, etc.
  • ÁCIDOS GRAXOS: O contexto cerebral é composto de ácidos graxos essenciais na proporção de 65%, dos quais, 30% é representado por DHA (docosahexaenóico). O DHA está presente em todas as células humanas, bem como no leite materno, na placenta da mulher e a retina do olho possui 50 vezes mais do que nas células normais. No processo bioquímico, os ácidos graxos têm suma importância no processo endócrino e são precursores das prostaglandinas que formam os hormônios. Os ácidos graxos podem ser de origem animal (peixes, etc.) ou de origem vegetal, provindos, por exemplo, da maceração de sementes como o de Prímula, Linhaça, etc.
  • COLÁGENO HIDROLISADO: Promove a sustentação de todos os tecidos do corpo humano, portanto sem ele tudo “cai” literalmente. Tem a função de conservar a pele deixando-a mais hidratada e mais elasticidade, diminuindo assim rugas e marcas de expressão. Evita doenças como a catarata, osteoporose e preserva a elasticidade das artérias e veias mantendo assim a jovialidade cardiovascular.
  • COLÓIDE DE OURO: É um suplemento mineral que tem como característica a melhora da funcionalidade do desempenho cerebral. Verificando resultados nos seguintes casos: Diminuição nos níveis de fadiga, stress e ansiedade; recuperação da memória com aumento da capacidade cognitiva. Tratamento de dores provindas de artrites, artroses e reumatismos. Atua no aumento da energia vital, aumentando positivamente sobre a libido. Melhora o estado de humor e promove sensação de bem estar.
  • MENTAL*Q: Produto da linha ORGANUS que possui a composição frequencial de essências da natureza, que visam ativar e harmonizar o sinergismo quântico do cérebro como um todo e o respectivo sistema. Possui um efeito eletrofísico frequencial.

Faça seu comentário:

País:

Atuação profissional: