Blog

Água: segredos para uma boa saúde.

21/07/2017 16:52:54

Saiba mais sobre o tipo de água e de que maneira devemos consumi-la a fim de evitar muitos problemas futuros em termos de saúde. 


QUAL É A FUNÇÃO DA ÁGUA NO CORPO?


A água serve vários propósitos:


  • A água é o principal bloco de construção de células.
  • Ele atua como um isolante, regulação da temperatura corporal interna. Isto é em parte porque a água tem um alto calor específico, mais o corpo usa a transpiração e respiração para regular a temperatura.
  • A água é necessária para metabolizar proteínas e hidratos de carbono utilizados como alimento. É o principal componente da saliva, utilizado para digerir os hidratos de carbono e ajuda na ingestão de alimentos.
  • O composto lubrifica as articulações.
  • Água isola o cérebro, medula espinal, órgãos, e do feto. Ele age como um amortecedor.
  • A água é utilizada para lavar os resíduos e toxinas do corpo através da urina.

“A água é essencial à sobrevivência e é o principal condutor e gerador de doenças”.


Cerca de 65% do nosso corpo é formado por água. O correto desempenho das funções bioquímicas do nosso organismo, bem como a respiração, a circulação sanguínea e o funcionamento dos rins, a digestão e, principalmente o processo de desintoxicação, requerem água nas proporções adequadas.


Portanto, o consumo e a reposição constante de água de boa qualidade significa manter a eficiência e a harmonia plena do nosso organismo.


De outra forma, a falta ou o consumo de água de má qualidade gera como consequência danos a nossa saúde, promovendo sintomas como cansaço, dores de cabeça, indisposição, pele seca, cabelos quebradiços, problemas digestivos, cistite, cálculos renais, alterações de pressão arterial, dificuldade circulatória, distúrbios hormonais e outros.


NOVOS ESTUDOS CIENTÍFICOS


Até então, a necessidade da água visava apenas a eliminação de parasitas indesejáveis a fim de evitar doenças como hepatite, cólera, esquistossomose, entre outras. Novos estudos científicos, divulgados na “Conferência Internacional Governança e Sustentabilidade Ambiental”, alertam que a crescente poluição química dos recursos hídricos oferece riscos elevados para a saúde humana, favorecendo a incidência de câncer e de infertilidade.


A ameaça seria potencializada por substâncias químicas nocivas, lançadas nos esgotos, que por sua vez acabam se depositando nos rios, que são fontes de captação da água que bebemos e usamos na alimentação. Estas substâncias aparentemente inofensivas, como resíduos de produtos utilizados na higiene pessoal e na lavagem de louças.


Segundo a engenheira química e consultora ambiental Gleby Aparecida de Almeida, do Instituto de Química da Universidade de São Paulo (USP), há substâncias capazes de interferir no metabolismo humano, que são os disruptores hormonais. Dos 80 mil produtos rotulados, pelo menos 67 mil foram identificados como disruptores, com possíveis efeitos cancerígenos e tóxicos.


Testes em animais, realizados na Inglaterra, apontaram a feminilização de peixes e o hermafroditismo, por causa da contaminação das águas por substâncias presentes em detergentes, pesticidas e embalagens plásticas.


FONTES DE CONTAMINAÇÃO


A preocupação internacional tem aumentado em relação à presença de substâncias químicas que podem interferir no metabolismo do ambiente. O primeiro alarme foi soado em 1996, pelo livro Our Stolem Future (O Futuro Roubado).


No Brasil, muitas substâncias ainda não foram monitoradas por falta de laboratórios capazes de analisá-las.


Pesquisas indicam que substâncias como o bisfenol A (presente nos plásticos e resinas odontológicas) e ftalatos (presentes nos plásticos) afetariam os testículos, reduzindo o seu tamanho em 20% e diminuindo a produção de espermatozódes.


Nas mulheres cresceriam os riscos de câncer de mama.


Fatores que contaminam

  • Fertilizantes, inseticidas, nitratos, herbicidas e fungicidas utilizados nas plantações.
  • Detergentes, desinfetantes, solventes e metais pesados que são descarregados no esgoto.
  • Lixos e detritos que são jogados nos rios e lagos.
  • Produtos derivados do petróleo.
  • Medicamentos químicos.
  • Pilhas e baterias, jogadas nos lixos, de forma geral.
  • Produtos de higiene, limpeza, inseticidas domésticos e outros.

Cuidados necessários

  • Informe-se sobre a água que você consome. Se a área da bacia de abastecimento for cercada por área de poluição, dê preferência ao consumo de água mineral para beber.
  • Nunca tome água deixada em ambientes negativos, pois ela pode estar contaminada com fatores quânticos prejudiciais.
  • Prefira alimentos orgânicos isentos de agrotóxicos.
  • Evite consumir alimentos quentes em plásticos, ou aquecer alimentos e recipientes plásticos no microondas. Estudos mostram que os alimentos podem ser contaminados pelos componentes da composição do plástico, e assim interferir no metabolismo.
  • Evite poluir o ambiente. Evite o desperdício e não jogue lixo na rua. Solicite ao governo o aumento do índice de saneamento.
  • Faça uma desintoxicação periódica a fim de eliminar toxinas.
  • Verifique a existência ou não de metais tóxicos e parasitas indesejáveis no seu organismo. Faça uma desintoxicação de metais tóxicos, pelo menos a cada três anos.
  • Esteja atento às mudanças e variações do seu organismo.
  • Na incidência de qualquer sintoma negativo, procure um profissional de saúde.
  • Nunca esteja satisfeito em simplesmente eliminar os sintomas ou consequências do distúrbios. Sempre procure a fonte causadora dos problemas.


CRISTALOGRAFIA PELA MEMÓRIA DA ÁGUA


O Japão é um dos países mais avançados no estudo da água pela cristalografia. No congelamento, a água de boa qualidade forma cristais hexagonais perfeitos e uniformes (veja as figuras abaixo). As águas contaminadas não formam cristais perfeitos. Verifica-se também que a mesma água em ambientes diferentes, formam cristais diferentes. Este fenômeno é a prova mais contundente e que comprova a capacidade da memória da água e a influência das energias nos meios onde existem moléculas de água.


A conformação dos cristais de água também justifica os méritos das energias das terapias ditas Florais, Cromoterapias e principalmente fatores Homeopáticos (veja as figuras abaixo).


Água de boa qualidade 
Sanbu-ichi Yusui Spring Water, Nagasaka-cho, Kita-Koma-gun, Yamanashi Perfecture.



Água contaminada
Fukuyama City, Hiroshima Prefecture.


Transcrição da energia quântica da flor de Camomila para memória da água, através do Bioconversor Hadô, forma cristais perfeitos (hexagonais) e idênticos.